For Portuguese, scroll down

Today I’m going to talk about a subject that causes a lot of confusion in my students: the Imperative in Portuguese. And this is precisely because in many cases the Portuguese that is presented in grammar books is not the same Portuguese used by Brazilians in everyday conversations.

But don’t worry! After reading this article you will be able to talk with a Brazilian without getting confused!

First, let’s understand what the imperative is. This tense is used when we want to give an order, make a request, a recommendation, or something similar.

For example:

Speak low! – Fale baixo

Sing this song, please. – Cante essa música

Drink water. – Beba água

Now that we understand how to use it, I want to teach you a shortcut on how to conjugate the verb in the imperative. And this pattern is valid for regular verbs in Portuguese. Before we activate the “Brazilian Native Mode”, I need to explain to you how you will find it in the grammar books, with the difference that here I will use some personal pronouns different from what you will find in the books. In my opinion, it is unnecessary for me to talk about some pronouns that Brazilians themselves no longer use or do so infrequently.

Portuguese verbs end with “AR”, “ER” or “IR”.

Let’s first go to the verbs ending with “AR”. Let’s conjugate the verb “To speak – Falar” in the imperative:

You / Você – Fale
We / Nós* – Falemos
You / Vocês – Falem

*We = Nós or A gente. In everyday conversations we use the personal pronoun “A gente” but to understand how the imperative works, consider the pronoun “Nós”.

Another example: Study – Estudar

You / Você – Estude
We / Nós* – Estudemos
You / Vocês – Estudem

Have you been able to identify any pattern? In verbs ending in “AR”, just make small substitutions:

You / Você – Replace the “AR” with “E”
We / Nós – Replace the “AR” with “EMOS”
You / Vocês – Replace the “AR” with “EM”

Want more proof? LOL. Verb to wait – Esperar:

You / Você – Espere
We / Nós* – Esperemos
You / Vocês – Esperem

Now let’s go to the verbs ending in “ER”. Verb to eat – comer:

You / Você – coma
We / Nós* – comamos
You / Vocês – comam

Another example: verb run – correr

You / Você – corra
We / Nós* – corramos
You / Vocês – corram

Thus, in verbs ending in “ER”

You / Você – Replace the “ER” with “A”
We / Nós – Replace the “ER” with “AMOS”
You / Vocês – Replace the “ER” with “AM”

Verbs ending in “IR”: Open – Abrir

You / Você – abra
We / Nós* – abramos
You / Vocês – abram

Another example: Split – Dividir

You / Você – divida
We / Nós* – dividamos
You / Vocês – dividam

The rule for verbs ending in “IR” is the same as for verbs ending in “ER”

You / Você – Replace the “IR” with “A”
We / Nós – Replace the “IR” with “AMOS”
You / Vocês – Replace the “IR” with “AM”

Ready. Now that you know the pattern of regular verbs, we can turn on the “Brazilian Native mode”.

A student who was living in Brazil commented to me: “Rodrigo, I’m very confused. I was at a bar with my Brazilian friends and they said: Have another beer. And right after: Let’s drink to celebrate. Dude… I’m lost” (“Bebe mais uma cerveja. E logo depois: Vamos beber pra comemorar. Cara… tô perdido”)

I understand exactly what my student went through and from that point on I will explain to you exactly what happened.

Let’s go to the first sentence: “Drink another beer” (Bebe mais uma cerveja). This phrase is in the imperative. So, according to the grammar books, the correct one would be “Beba”. (Drink / Beber -> Você – Beba -> Trocar “ER” por “A”).

The point is that Brazilians use the Imperative in another way. In this case of the personal pronoun “You / Você” the verb is conjugated as if it were in the present tense! That simple! Of course, in some cases and in some parts of Brazil the verb is conjugated in the “correct” way, but in most cases Brazilians speak informally. Let’s go to the examples from the beginning of this article:

“Speak low – Fale baixo!” This is the formal way but here in Brazil this is what you will probably hear: “Fala baixo”.

Sing this song, please -> Cante essa música, por favor / Canta essa música, por favor.

Drink water -> Beba água / Bebe água.

Fala, Canta and Bebe are conjugated in the 2nd person of singular, in the present tense.

Another very common example here in Brazil: when a mother wants to ask her child to eat, she doesn’t say “Eat it all – Coma tudo”. She says “Come tudo”. I am the living example of this. My mom used to say that to me all the time when I was a kid LOL.

Let’s go to the second example now: “Let’s drink to celebrate – Vamos beber pra comemorar”.

According to the grammar, the correct thing would be “Let’s drink to celebrate – Bebamos para comemorar”. This structure is not very used. Brazilians speak much more simply. When you are speaking in the 1st person plural (we / Nós), that is, of a group you are participating in, just say “Let’s – Vamos” and then put the main verb in the infinitive.

Another examples:

Traveling – Let’s travel this weekend! / Viajar – Vamos viajar esse fim de semana!
Studying – Let’s study Portuguese! / Estudar – Vamos estudar Português!
Eat – Let’s eat now. / Comer – Vamos comer agora.
Split – Let’s split the bill. / Dividir – Vamos dividir a conta.

After I explained these details to my student, he became more relaxed and is much better adapted to the Brazilian daily life. I hope you feel that way too.

The imperative in the pronoun “you / Vocês” does not vary. The “formal” way is used in everyday life. I’ll take the examples above:

Traveling – Travel this weekend! / Viajar – Viajem esse fim de semana!
Studying – Study Portuguese! / Estudar – Estudem português!
Eat – Eat now. / Comer – Comam agora.
Split – Split the bill. / Dividir – Dividam a conta.

To use the Imperative in the Negative, just put the word “No – Não” in front of the verb, regardless of the way you choose to speak.

Example:

Eat

Eat it all -> Don’t eat it all / Coma tudo -> Não coma tudo
Eat everything -> Don’t eat everything / Come tudo -> Não come tudo
Let’s eat it all -> Don’t eat it all / Comamos tudo -> Não comamos tudo
Let’s eat it all. -> Let’s not eat it all / Vamos comer tudo. -> Não vamos comer tudo
Eat it all -> Don’t eat it all / Comam tudo -> Não comam tudo

Last detail. Irregular verbs are the same thing. It has a formal and informal way but unfortunately it doesn’t have a conjugation pattern. It is necessary to see it case by case. But here are 2 examples:

Do – Fazer:

Do it // Faça isso / Faz isso
Let’s do it // Façamos isso / Vamos fazer isso

Do it // Façam isso / Façam isso

Read – Ler:

Read the book // Leia o livro / Lê o livro
Let’s read the book // Leiamos o livro / Vamos ler o livro
Read the book // Leiam o livro / Leiam o livro

That’s it folks. I hope this article has helped you. Practice with these exercises (The link is at the end of this article).

PORTUGUESE

Hoje eu vou falar de um assunto que causa muita confusão nos meus alunos: o Imperativo no português. E isso acontece justamente porque em muitos casos o português que é apresentado pelos livros de gramática não é o mesmo português usado pelos brasileiros nas conversas do dia a dia.

Mas fique tranquilo! Depois de ler esse artigo você vai ser capaz de conversar com um brasileiro sem se confundir!

Primeiro, vamos entender o que é o imperativo. Esse tempo verbal é usado quando queremos dar uma ordem, fazer um pedido, uma recomendação ou algo similar.

Por exemplo:

Fale baixo!

Cante essa música, por favor.

Beba água.

Agora que já entendemos o uso, eu quero ensinar para você um atalho de como conjugar o verbo no imperativo. E esse padrão é válido para os verbos regulares em português. Antes de ativarmos o “Brazilian Native Mode”, eu preciso te explicar como você vai achar nos livros de gramática, com a diferença de que aqui eu vou usar alguns pronomes pessoais diferentes dos que você vai encontrar nos livros. Na minha opinião é desnecessário eu falar sobre alguns pronomes que o próprio brasileiro não usa mais ou o faz com pouca frequência.

Os verbos em português terminam com “AR”, “ER” ou “IR”.

Vamos primeiro aos verbos terminados com “AR”. Vamos conjugar o verbo “Falar” no imperativo:

Você – Fale
Nós* – Falemos
Vocês – Falem

*Nas conversas do dia a dia usamos o pronome pessoal “A gente” mas para entender como o imperativo funciona, considere o pronome “Nós”.

Outro exemplo: Estudar

Você – Estude
Nós – Estudemos
Vocês – Estudem

Já consegui identificar algum padrão? Em verbos terminados em “AR”, basta fazer pequenas substituições:

Você -> Trocar o “AR” por “E”
Nós – Trocar o “AR” por “EMOS”
Vocês – Trocar o “AR” por “EM”

Quer mais uma prova? Hahaha. Verbo Esperar:

Você – Espere
Nós – Esperemos
Vocês – Esperem

Vamos agora aos verbos terminados em “ER”. Verbo comer:

Você – Coma
Nós – Comamos
Vocês – Comam

Outro exemplo: verbo correr

Você – Corra
Nós – Corramos
Vocês – Corram

Sendo assim, em verbos terminados em “ER”

Você -> Trocar o “ER” por “A”
Nós – Trocar o “ER” por “AMOS”
Vocês – Trocar o “ER” por “AM”

Verbos terminados em “IR”: Abrir

Você – Abra
Nós – Abramos
Vocês – Abram

Outro exemplo: Dividir

Você – Divida
Nós – Dividamos
Vocês – Dividam

A regra para verbos terminados em “IR” é igual de verbos terminados em “ER”

Você – Trocar o “IR” por “A”
Nós – Trocar o “IR” por “AMOS”
Vocês – Trocar o “IR” por “AM”

Pronto. Agora que você já sabe o padrão dos verbos regulares, podemos ligar o “Brazilian Native mode”.

Um aluno que estava morando no Brasil comentou comigo: “Rodrigo, estou muito confuso. Eu estava em um bar com meus amigos brasileiros e eles falaram: Bebe mais uma cerveja. E logo depois: Vamos beber pra comemorar. Cara… tô perdido”.

Eu entendo exatamente o que o meu aluno passou e a partir desse ponto eu vou te explicar exatamente o que aconteceu.

Vamos à primeira frase: “Bebe mais uma cerveja”. Essa frase está no imperativo. Então, de acordo com os livros de gramática, o correto seria “Beba mais uma cerveja”. (Beber -> Você – Beba -> Trocar “ER” por “A”).

O que acontece é que os brasileiros usam o Imperativo de outra forma. Nesse caso do pronome possessivo “Você” o verbo é conjugado como se estivesse no presente do indicativo! Simples assim! Claro que em alguns casos e em algumas partes do Brasil o verbo é conjugado da maneiro “correta” mas na maioria dos casos os brasileiros falam da maneira informal. Vamos aos exemplos do inicio desse artigo:

“Fale baixo!” Essa é a maneira formal mas aqui no Brasil é isso o que você provavelmente vai ouvir: “Fala baixo”.

Cante essa música, por favor -> Canta essa música, por favor.

Beba água -> Bebe água.

Fala, Canta e Bebe estão conjugados na 2ª pessoa do singular, no presente do indicativo.

Um outro exemplo muito comum aqui no Brasil: quando uma mãe quer pedir para o filho comer, ela não fala “Coma tudo”. Ela fala “Come tudo”. Eu sou o exemplo vivo disso. Minha mãe falava isso pra mim toda hora quando eu era criança hahahaha.

Vamos ao segundo exemplo agora: “Vamos beber pra comemorar”.

De acordo com a gramática, o correto seria “Bebamos para comemorar”. Essa estrutura não é muito usada. O brasileiro fala de forma muito mais simples. Quando você estiver falando na 1ª pessoa do plural (nós), ou seja, de um grupo do qual você está participando, basta dizer “Vamos” e depois colocar o verbo principal no infinitivo.

Outros exemplos:

Viajar – Vamos viajar esse fim de semana!
Estudar – Vamos estudar Português!
Comer – Vamos comer agora.
Dividir – Vamos dividir a conta.

Depois que eu expliquei esses detalhes pro meu aluno, ele ficou mais tranquilo e está muito mais bem adaptado ao cotidiano brasileiro. Espero que você também se sinta assim.

O imperativo no pronome “vocês” não varia. A maneira “formal” é a usada no dia a dia. Vou pegar os exemplos acima:

Viajar – Viajem esse fim de semana!
Estudar – Estudem português!
Comer – Comam agora.
Dividir – Dividam a conta.

Para usar o Imperativo no Negativo, basta colocar a palavra “Não” na frente do verbo, independente da maneira que você escolha falar.

Exemplo:

Comer

Coma tudo -> Não coma tudo
Come tudo -> Não come tudo
Comamos tudo -> Não comamos tudo
Vamos comer tudo. -> Não vamos comer tudo
Comam tudo -> Não comam tudo

Último detalhe. Com os verbos irregulares é a mesma coisa. Tem a maneira formal e a informal mas infelizmente não tem um padrão de conjugação. É preciso ver caso a caso. Mas aqui seguem 2 exemplos:

Fazer:

Faça isso / Faz isso
Façamos isso / Vamos fazer isso
Façam isso / Façam isso

Ler:

Leia o livro / Lê o livro
Leiamos o livro / Vamos ler o livro
Leiam o livro / Leiam o livro

É isso pessoal. Espero que esse artigo tenha te ajudado. Treine (ou melhor: Treina hahaha) com esses exercícios.

This is an example of the content I give in my classes. Schedule a free trial class and get to know my method! – Esse é um exemplo do conteúdo que eu dou em minhas aulas. Agende uma aula experimentalgratuita e conheça o meu método! –> I want to speak portuguese!!!

Support my work – Apoie o meu trabalho 🙂

https://www.patreon.com/unclebrazil

Até logo!